Booking.com

quarta-feira, novembro 09, 2016

Juvenis do Industrial Desportivo Vieirense 2016-2017

INDUSTRIAL DESPORTIVO VIEIRENSE
----
Plantel 2016-2017

Guarda Redes: Leandro e Germano
Defesas:
Médios:
Avançados:
Treinador: Rui Leal
Adjunto:
Directores:
Presidente: Nuno Simões

----
2016-2017: 1.ªDivisão Distrital da AF Leiria - 

1 comentário:

  1. Vieirense somou a segunda vitória em outros tantos jogos na 1.ª divisão distrital, em juvenis, desta feita frente à Moita do Boi por claros 1-4.

    Campo da Guarita, na Moita do Boi
    Árbitro: Gonçalo Carreira.
    Espectadores: 60.

    Moita do Boi 1
    Pedro Pedrosa, Emanuel, Francisco, Patrick, Tomas Adão (Diogo Silva, 74’), Diogo Bernardo, Vasco, Xavier, Romeu (Henrique, 74’), David Silva, Guardado (Joel, 69’).
    Não jogaram: Francisco Gonçalves.
    Treinador: Carlos Costa.

    ID Vieirense 4
    Leandro, Diogo Vieira, Rodrigo (c),Caetano, Ruben, Miguel, Adriano, Nuno Santos (Filipe, 74’), Filipe Santos (Andrade, 52’), Hugo Ribeiro, Nuno Cardoso.
    Não jogaram: Germano, Filipe Coelho, Rodrigo Amaral.
    Treinador: Rui Leal.

    Ao intervalo: 0-1.
    Golos: 0-1 Adriano (29’), 1-1 David (43’, g.p.), 1-2 Diogo Vieira (60’), 1-3 Miguel (71’), 1-4 Diogo Vieira (80’).
    Disciplina: Amarelo a Nuno Cardoso (43’) e Vasco (70’).

    Entrou mais forte a equipa visitante, ao impor o seu futebol e obrigando a equipa da casa a recuar no terreno. Assim , o Vieirense poderia ter chegado ao golo bem cedo primeiro por Hugo e depois por Filipe, mas o guardião Pedro Pedrosa defendeu ambos os remates.
    Com o passar dos minutos, acentuou-se o domínio do Vieirense, mas o golo tardava em chegar e, a espaços, a Moita do Boi, de contra-ataque, criava perigo pelo inconformado David.
    Contudo, o golo do Vieirense acabou mesmo por chegar à meia hora de jogo, num bom remate de Adriano.
    Até ao intervalo, a bola voltaria a entrar na baliza à guarda de Pedro Pedrosa, mas Vieira encontrava-se adiantado e o tento não valeu.
    O Vieirense voltou dos balneários algo displicente e sofreu o empate logo nos primeiros minutos da segunda metade de grande penalidade, bem assinalada, por intermédio de David. O golo teve o condão de despertar o Vieirense que partiu de novo para cima da equipa da casa e repôs a vantagem no marcador por Vieira, aos 60’.
    A equipa de Rui Leal continuou a pressionar e dilatou a vantagem num livre superiormente marcado por Miguel (1-3). A fechar a partida, Vieira bisou num lance do bom envolvimento ofensivo e estabeleceu o resultado final em 1-4.
    Arbitragem regular, ainda que não isenta de pequenos erros, contudo sem influência no resultado final.|

    Texto e foto: Carlos Pinheiro - Diário de Leiria

    ResponderEliminar

Pense duas vezes antes de comentar.
Moderação e bom senso é o que se pede!
Difamações e picardias valerá apena?

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Wook